Unoesc constata aumento de 3,70% no valor da cesta básica em Videira

Os produtos que compõem a cesta básica dos videirenses tiveram novo aumento neste mês de maio, se comparado ao mês de abril. Os dados são do painel eletrônico da Unoesc que a cada 15 dias realiza pesquisa de preços em 15 estabelecimentos comerciais do gênero em Videira. De acordo com pesquisador, economista e professor Luiz Carlos Bondicz, observou-se um aumento significativo do valor médio no mês.

Ele destaca as variações constatadas nos itens batata inglesa, que apresentou 25,05% de aumento no valor; do tomate, com 11,93% de aumento; da manteiga, com 5,81% e do leite longa vida, com 4,61%, que foram os grandes vilões para esse acréscimo. Na prévia do mês, realizada na primeira semana de maio, já havia sido identificada a grande variação no preço da batata inglesa, fato que contribuiu para o aumento total da cesta básica.

—Esses itens refletem a influência da sazonalidade que alguns produtos sofrem na mudança da estação climática e das condições meteorológicas—, avalia o pesquisador da Unoesc Videira.

O custo total da cesta básica conforme a composição do DIEESE, que leva em consideração o consumo mensal de uma pessoa, teve elevação de 3,70% neste mês, saltando de R$ 378,42, em abril, para R$ 392,41.

Além do valor da cesta básica, a Unoesc também estará iniciando em breve, o levantamento de preços em outros setores da economia como a cesta de produtos de materiais de construção e de materiais escolares entre outros.

A intenção, segundo o vice-reitor de Campus, Antonio Carlos de Souza, é utilizar esse mecanismo, denominado de Painel de Preços Unoesc, como uma ferramenta para auxiliar o consumidor e nortear o mercado.

Os dados inicialmente poderão ser acompanhados pelos meios de comunicação (rádios,jornais, sites, rede social e revistas que já estão fazendo a divulgação).

Também sob a responsabilidade do professor Luiz Carlos Bondicz, a Unoesc estará colocando à disposição da comunidade, um boletim mensal relativo ao número de empregados e desempregados no município de Videira. Os dados do mês de maio já estão sendo tabulados e nos próximos dias serão apresentados. Numa prévia, já foi percebido que a diferença e contratados e desligados ficou negativa em 50 pessoas.

unoesc-cestabasica

%d blogueiros gostam disto: