fbpx

Motorista pode pagar menos usando o aplicativo de estacionamento

O sistema de estacionamento de Videira além de aliar praticidade e segurança para os motoristas, também pode gerar economia para o bolso dos cidadãos. Isso por que o sistema fraciono permite com que o motorista pague apenas pelo tempo que ficar estacionado.

Segundo, Eunir Pagnussat assessor de trânsito do Órgão Executivo de Trânsito de Videira (ORTRAVI), o sistema atual é mais justo, pois no modelo antigo o motorista colocava o cartão de papel e não tinha direito a reembolso pelo tempo não utilizado. Já o novo sistema é só o motorista informar a sua saída da vaga, que o valor dos minutos não usados são reembolsados ao cidadão, gerando assim uma maior economia.”O papel da Municipalidade através do Órgão de Trânsito e da atual gestão foi oferecer um sistema que realmente funcionasse, proporcionando que todos pudessem estacionar nas ruas centrais e controlar o tempo de estacionamento de forma mais justa, pagando apenas o tempo que realmente utilizar”, destacou Eunir.

Outra dica para economizar é sempre solicitar o tempo máximo da vaga, pois proporcionalmente o valor do minuto fica mais barato, “se o motorista escolher pagar por uma hora, ele irá pagar R$ 2,00. Mas se ele optar pelas opção de duas horas e permanecer apenas uma hora, o valor que deverá pagar será de apenas R$ 1,50, tendo uma economia de 25% no valor a ser pago, gerando assim uma grande economia ao motorista”, enfatizou o assessor de trânsito.

Já sobre a polêmica sobre o aumento, Eunir lembrou que o aumento foi inevitável, e seguiu as prerrogativas do contrato com a empresa concessionária do serviço. Ele destacou ainda, que o novo valor segue uma tendência de mercado, “realizamos um pesquisa em vários municípios do estado e constamos que os mesmos R$ 2,00 são cobrados em cidades como Caçador, Mafra e Florianópolis. E se o motorista optar por comprar o ticket de duas horas por R$ 3,00 e permanecer apenas um hora ele será reembolsado em metade do valor, pagando apenas R$ 1,50 por hora”, minimizando assim parte do aumento.

%d blogueiros gostam disto: