Ministério da Saúde busca soluções inovadoras para o SUS

Em parceria com CNPQ, a pasta lançou hoje edital de 15 milhões para financiar soluções inovadoras em saúde Os pesquisadores interessados em contribuir com o desenvolvimento de tecnologias inovadoras voltadas para a melhoria do Sistema Único de Saúde (SUS) passam a contar com mais uma oportunidade a partir desta sexta-feira (18).  O Departamento de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos – Decit/SCTIE, órgão vinculado ao Ministério da Saúde – MS, e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq acabam de lançar uma chamada pública que busca apoiar projetos de pesquisa que têm como foco a melhoria das condições de saúde da população brasileira.

As propostas aprovadas serão financiadas com recursos no valor global de R$ 15 milhões. Os projetos deverão ter como objetivo o desenvolvimento de pesquisas que colaborem com a geração de novas tecnologias em quatro principais áreas: diagnóstico e tratamento, fármacos e medicamentos, medicina regenerativa e organização dos serviços de saúde, no que se refere ao acesso, acolhimento, assistência e gestão para o SUS.

“Queremos contemplar pesquisadores que consigam fazer com que suas inovações contribuam, de fato, para a melhoria do SUS e favoreçam os usuários. É preciso oferecer esse retorno à comunidade e vamos avançar cada vez mais para dar um salto qualitativo nas pesquisas e conseguir mais espaço para as inovações”, afirma o Secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Marco Fireman.

O financiamento será destinado a projetos no valor máximo de R$ 2 milhões (dois milhões de reais). “Estamos buscando melhorias em áreas que são fundamentais e afetam diretamente o usuário do sistema. A tecnologia tem colaborado não só na busca por soluções diagnósticas e de tratamento, mas tem sido também uma grande ferramenta para ajudar a otimizar os processos e reduzir os custos, trazendo grandes benefícios ao governo e à população”, diz a diretora do Departamento de Ciência e Tecnologia (DECIT), Camile Sachetti.

A data limite para submissão das propostas é 13 de julho. Já a divulgação do resultado será realizada no dia 10 de setembro.  Para outras informações, acesse o link do edital.

Fonte: Ministério da Saúde

%d blogueiros gostam disto: