fbpx

Borga e Claudete entregam R$ 1.5 milhão em ordens de serviço

As obras são de pavimentação de ruas, reforma da Casa Lar, construção do Memorial da Vila Verde e construção de uma ponte no Rio das Pedras

Na tarde de quinta-feira (28) o prefeito Dorival Carlos Borga e a vice-prefeita, Claudete Vavassori, juntamente com os secretários de governo entregaram a comunidade sete ordens de serviço para início imediato das obras em várias frentes. O evento, que contou com a participação da comunidade, foi realizado no gabinete do prefeito.

Entre as ordens de serviço estão a pavimentação de quatro ruas como a Álvaro Bueno, no bairro Amarante e João Nelson Antunes, no Rio das Pedras, que receberão pedras irregulares. Já as ruas dos Eucaliptos e Estrada Municipal, que dá acesso as empresas Cantelli e Pesque Pague Dalpizzol. Estas quatro ruas receberão um investimento de R$ 779.172,36 e serão entregues a comunidade em 90 dias.

Os moradores da Vila Verde receberão duas obras. A primeira é a construção da Capela Mortuária. A capela terá 200m² e contará com salão, cozinha, dormitório e área coberta e receberá um investimento de R$ 328 mil.

A segunda, é a reforma e ampliação da Casa Lar que terá um custo de R$ 263 mil. Nesta obra, que deve ser entregue em dezembro deste ano, toda a estrutura de 326,17m² serão reformados e ainda terá uma ampliação e mais três sala, totalizando 76,88m².

O Rio das Pedras também terá mais um obra. Que é a reconstrução da ponte sobre o Rio das Pedras, na rua João Nelson Antunes, que terá sete metros de comprimento e contará ainda com o passeio lateral para pedestres e terá um custo de R$ 150mil.

Para o presidente da associação do bairro da Vila Verde, Everson de Oliveira, a capela é uma reivindicação antiga da comunidade. “Desde que o bairro foi criado pedíamos pela capela mortuária, pois somos uma comunidade carente precisávamos de um espaço para velarmos nossos entes queridos”, ressaltou Everson.

Borga destacou em sua fala que o município está realizando uma série de obras para melhorar a qualidade de vida de toda a comunidade. “É só andar pelas ruas que podemos veras obras que estamos realizando. E estou pedindo a cada cidadão que nos ajude a fiscalizar as obras junto com nossa equipe de engenheiros, pois os moradores do bairros podem acompanhar o andamento delas todos os dias e se verem que a obra não está andando como deveria deve nos procurar para tomarmos uma providência”, finaliza o prefeito.

%d blogueiros gostam disto: