Aprender a encantar

Todas as vezes que me coloco em frente aos meus alunos, vejo que tenho uma missão importantíssima. Logo, ensinar algo me deixa em uma posição perigosa e apaixonante. Aqueles olhinhos brilhando, ávidos por conhecimentos, mostram que meu papel é realmente plantar a semente da curiosidade, da vontade e da busca por saber mais e mais.

Vivemos hoje em uma concorrência desleal com as tecnologias e assim, somos levados a aprimorar nossas aulas, para que sejam atrativas, divertidas e atrelando a tudo isso o conhecimento que não pode faltar.

Já na Educação Infantil, ouvimos as mães espantadas com tudo o que as crianças aprendem, com os comentários que fazem em casa e como expandem este conhecimento quando indagados. Assim deve ser, as crianças possuem facilidades em aprender e desta forma, se bem trabalhados, as crianças podem se apropriar de assuntos variados desde muito cedo.

Tudo o que é proposto para as crianças, através das brincadeiras, torna-se conhecimento no mesmo instante, cabe então ao professor encantar seus alunos com as mais variadas formas de aprendizado.

Podemos e devemos acreditar que é através da educação que criaremos mecanismos para mudar as ações de nosso país, mas somente acreditar não causará a transformação, precisamos nos unir em prol desta questão e cercar nossos alunos de argumentos, pensamentos e atitudes que provoquem a mudança tão esperada.

Para que isso aconteça, precisamos fazer uma transformação em nós professores; não há mudança sem transformação interior. Se você acredita e quer fazer parte deste processo, precisa querer mudar seus pensamentos e atitudes, é impossível ensinar e encantar alguém quando este processo não aconteceu dentro de você.

Temos que ter tempo para analisar todos os ângulos de uma situação e depois tomar as decisões mais acertadas.

Comece esta transformação. Quando perceber, você, seus alunos e as famílias estarão contagiadas com as mudanças. Aos poucos conseguiremos colher os frutos desta nossa ação.

Mude para transformar!

 

%d blogueiros gostam disto: