fbpx

Vida que segue

As festas já passaram e a vida volta ao normal. Tirando as promessas feitas na virada de ano e muitas vezes não realizadas, o resto continua igual; as contas vencendo, tudo se reorganizando e a vida segue seu curso.

Mas alguém esperava algo diferente? Claro que sim. Todos esperam mudanças, no entanto estas mudanças tão sonhadas, dependem somente do ser humano, ou seja, elas acontecem de dentro para fora. Isso mesmo, se esperamos mudanças, precisamos nos permitir mudar e entender que as mudanças são necessárias para nosso crescimento tanto pessoal como profissional.

Para os alunos que conseguiram passar de uma série para outra, as mudanças acontecem, nova professora, as vezes novos amigos; para as professoras, turma nova, novos desafios e conhecimentos. As crianças, ainda de férias já se perguntam como será a nova professora ou professoras, correm para comprar o material escolar e querem que as aulas comecem, dizem estar cansadas de ficar de férias; o que acontece então quando as aulas começam? O entusiasmo vai por água abaixo?

Faz-se necessário uma intervenção da professora com os alunos, logo nos primeiros dias de aula, mostrando a importância da educação e da escola na vida das crianças, adolescentes e suas famílias. Esta conversa deve ser aberta e muito clara, onde professores e alunos conseguem chegar a um ponto comum e a partir deste ponto seguem avançando no conhecimento e no respeito.

Esta escola não é utópica e ela só precisa ver com outros olhos, ou seja, com os olhos das crianças como o aprender pode ser divertido e enriquecedor para todos os envolvidos no processo.

Isso mesmo, a vida segue normalmente, mas a paixão de aprender e ensinar pode e deve mudar a forma com que os alunos e os professores enxergam a escola, tudo depende da maneira que eu vejo e as vezes é preciso aprender a ver como já dizia Ruth Rocha.

Se precisamos da escola, dos professores e dos amigos para aprender, porque não tornar a escola um espaço prazeroso? Não espere, torne você mesmo este ambiente mágico e crie novas possibilidades de aprender e ensinar, isso pode ser feito tanto pelo aluno como pelo professor. Inove e busque novas alternativas. A vida segue com novos olhares.

Seja bem-vindo 2019!

%d blogueiros gostam disto: