fbpx

Visitas ao museu do vinho têm aumento de 25% no primeiro semestre

O Museu do Vinho Mário de Pellegrin recebeu, no primeiro semestre de 2019, mais de 4 mil visitantes, número que representa um acréscimo de mais de 25% em relação ao semestre anterior, quando foram registradas cerca de 3 mil visitas. O crescimento é resultado das ações de estruturação do turismo, que visam fomentar o potencial do município no setor através de atividades que atraiam os visitantes.

O Museu, localizado no Eixo Cultural, possui um acervo permanente que conta a história da uva e do vinho, através da exposição de equipamentos usados pelos primeiros colonizadores para a fabricação do vinho colonial. Além das visitas monitoradas, o museu promove ações educativas e exposições temporárias, voltada para os mais diversos públicos. O horário de atendimento é de terça a sexta-feira das 8h às 12h, 13h às 17 e nos finais de semana, das 14h às 17h30.

Outro ponto turístico muito visitado é o Observatório Astronômico Municipal Domingos Forlin, considerado referência no estado. Nos seis primeiros meses deste ano o espaço recebeu aproximadamente 3 mil visitantes, que tiveram a possibilidade de conhecer a estrutura e observar o céu através dos equipamentos disponíveis. O Observatório abre de segunda a sexta-feira das 8h às 12h, das 13h às 17h e das 18h30 às 22h30. No primeiro e último sábado de cada mês, o local fica aberto das 18h30 às 22h30.

A Casa do Telégrafo, importante edificação no contexto histórico do município, passou a abrigar, desde agosto de 2018, o Centro de Atendimento ao Turista (CAT), um espaço destinado a prestar apoio e fornecer informações para turistas e videirenses. O local recebeu em torno de 250 pessoas de janeiro a junho, sendo a maioria visitante de outras cidades e estados.  O horário de atendimento é de quinta e sexta-feira das 9h às 12h e 14h às 17h e sábados das 9h às 12h.

Segundo a assessora de Turismo, Gladis Ansilieiro, o turismo é uma importante ferramenta no desenvolvimento de Videira, pois ajuda a fomentar a economia local, valoriza a cultura e a história e traz visibilidade ao município. Ela destaca ainda que o setor gera benefícios econômicos, sociais e ambientais, ajudando na valorização das tradições, além de proporcionar oportunidades de negócios.

Fonte: PMV

%d blogueiros gostam disto: