fbpx

1º Feirão do Jepp registra grande comercialização de produtos

No sábado (5) foi realizado no Largo da Estação, o 1º Feirão do Programa Jovens Empreendedores – Primeiros Passos (Jepp), que movimentou a comunidade escolar, envolvendo cerca de 3.200 alunos do 1º ao 9º ano das nove escolas municipais. Com uma grande estrutura e formato pioneiro em Santa Catarina, o feirão recebeu centenas de pessoas durante todo o dia, que prestigiaram os mais de 70 projetos e adquiriram os diversos produtos comercializados pelos estudantes. O Jeep faz parte do Programa Cidade Empreendedora e é desenvolvido em parceria com o Sebrae.

Os projetos foram realizados em sala de aula, por meio de oficinas que trabalharam estratégias de empreendedorismo e oportunizam a vivência de produção e de compra e venda de produtos, visando despertar o espírito empreendedor. No ano passado, as feiras foram realizadas somente nas escolas. Esse novo formato oportuniza que os projetos tenham maior visibilidade e que a comunidade conheça o trabalho realizado nas escolas, dando a real dimensão do que é o Jepp.

Nathalia Rissi, aluna do 9º ano da escola Paulo Penso, trabalhou com a comercialização na área de alimentos. A estudante cita que a preparação foi intensa e que o aprendizado vai além da compra, produção e venda. “Aprendemos a dividir tarefas, cooperar e crescer juntos. Além disso, temos uma vivência de como funciona o empreendedorismo na prática”. Para Sueli Bocon, mãe de uma aluna que participa do Jepp, o programa é importante para que os estudantes aprendam o valor do trabalho e das conquistas e que iniciativas como essa ajudam no desenvolvimento dos estudantes.

O prefeito de Videira, Dorival Carlos Borga, prestigiou o evento e aproveitou para adquirir produtos vendidos pelos alunos, quando conheceu todos os trabalhos apresentados no Feirão. Ele enaltece o envolvimento da comunidade como um todo, por meio do incentivo e da participação dos pais, diretores e professores, que auxiliaram em todo o processo de criação e produção dos itens. Borga cita que o desenvolvimento econômico é uma das premissas da administração e que incentivar as crianças e adolescentes ao empreendedorismo é pensar no futuro de Videira. “Acreditamos que investir em ações como essa é cooperar para que tenhamos o empreendedorismo cada vez mais forte. Esses jovens são os líderes do futuro”, acrescenta.

FEIRAS NAS ESCOLAS

A partir desta terça-feira (8) as feiras serão realizadas dentro das escolas, visando apresentar o trabalho para a comunidade escolar. A escola Joaquim Amarante será a primeira a realizar a feira, que acontece nesta terça feira. Na quarta (9), o projeto será apresentado pela escola Paulo Penso e na sexta-feira (11) a feira será na escola Vilson Pedro Kleinibing.

No dia 16 será a vez dos estudantes da escola Gabriel Bogoni apresentar e comercializar seus trabalhos. No dia 23 de outubro, a feira acontece no Caic e no dia 25 as escolas Waldemar Kleinubing e São Pedro realizaram a apresentação dos trabalhos. A escola Sueli Maria Gheller realiza a feira no dia 30 de outubro. A apresentação dos projetos nas escolas encerra no dia 1º de novembro, na escola Fidélis Fantin.

Fonte: PMV

%d blogueiros gostam disto: