• 05/12/2020

Artista brasileira é citada pelo Museu de Arte Moderna de Nova York

Dedicada à arte com cerâmica voltada para a cultura negra, a artista Gabriela Marinho, moradora do Jardim Catarina, em São Gonçalo (RJ), está ganhando notoriedade no Brasil e no mundo pelo trabalho que desenvolve em seu ateliê.

“A arte sempre esteve na minha vida”, conta Gabriela, que aponta a mãe, professora da educação infantil, como principal incentivadora do trabalho.

Recentemente, suas obras foram apresentadas em capitais do Brasil e ela também chegou a ser citada pelo MOMA (Museu de Arte Moderna de Nova York), um dos Museus mais importantes do Mundo.

Gabriela também teve trabalhos projetados em prédios e galerias de várias cidades do Brasil, um deles em Belém, no Pará.

A artista afirma que, com a pandemia, ela passou a expor mais os seus trabalhos nas redes sociais e isso deu uma visibilidade maior às suas artes.

E foi dessa forma que o Museu de Arte Moderna de Nova York, uma referência mundial, citou a brasileira como destaque em trabalhos de arte contemporânea pelo trabalho voltado para a cultura negra.

“Depois dessa exposição, eu fui chamada para representar uma plataforma de arte, e foi quando o MOMA fez uma pesquisa sobre grupos, galerias e plataformas brasileiras de pessoas pretas que trazem essa linguagem contemporânea da arte com referências e aprendizados antigos para o atual momento. E com isso eles citaram a galeria e escolheram um dos meus trabalhos para divulgar no MOMA”, conta Gabriela.

A artista afirma que essa visibilidade é uma conquista muito grande e que fica feliz em poder representar pessoas que se identificam com ela, além de levar o nome do Jardim Catarina e de São Gonçalo para o mundo.

Fonte: ND Mais

Fique ligado nos conteúdos!

Receba atualizações, dicas, artigos e conteúdos especiais com prioridade!

Anuncie sua Empresa

Contrate uma assinatura e ganhe 3 meses de selo para anúncio*